Artrite Reumatóide: I Evento Apoio as Doenças Raras ..28/02/2010

Aqui tem um pouco da minha Vida com AR e muito de mim.

Minha foto

Sou mãe, mulher, amiga...uma pessoa humanizada e determinada a lutar incansavelmente pela igualdade de direitos. Apaixonada pela vida, determinada a ser feliz incondicionalmente!

Blogueira e Mobilizadora Social em Pro da Pessoa com Doença Reumática no Brasil.

Autora do Blog 
www.artritereumatoide.blog.br

Idealizadora do Grupo de Ajuda Mútua "EncontrAR"

Se vc vem do Blog e tem AR ou algum tipo de Doença Reumática faça parte do nosso Grupo no Facebook EncontrAR 
http://www.facebook.com/groups/encontrar/

Colunista  no Portal Reumatoguia 
www.reumatoguia.com.br

Colunista no Portal Artrite Reumatoide 

www.artritereumatoide.com.br

"Existe vida após a AR", tudo que fazíamos antes da AR, podemos fazer agora, só que de uma forma diferente. Enquanto houver alegria em meu coração, força e vontade de viver, a Dor da AR não me levará a tristeza. Acredite, Dor Compartilhada é Dor Diminuída, compartilhe a sua dor e saiba o quanto nos faz bem falar com gente como a gente. Aqui tem um pouco da minha história e muito de mim, deixe um pouco de você através dos comentários.(todos os comentários são respondidos)

A doença chega a nossas vidas derrepente e nos apresenta limitações e dificuldades até então desconhecidas. Passamos a viver uma vida de por quês?. Ansiedades, medos, inseguranças passam a fazer parte de nossos dias. Porém a vida não termina aqui, começa uma nova vida, onde temos que rever nossos conceitos, procurando adaptar toda uma vida, costumes, rotinas diárias e enfrentamos uma sociedade que preconceituosa, ainda rotula as doenças reumáticas como “doença de velho”, o que não é verdade. As doenças reumáticas estão presentes em todas as faixas etárias e por acreditar que Dor Compartilhada é Dor Diminuída, eu criei este blog em agosto/2007.

A missão deste blog é compartilhar experiências, divulgar informações e lutar pela melhoria da “qualidade de vida do doente reumático no Brasil”.

Unidos na missão de dizer ao mundo que somos artríticos sim + que estamos vivos, temos sonhos e acreditamos que um dia a tão sonhada “estabilização da doença” irá chegar e se prepare “mundo” somos pessoas com doenças reumáticas, com necessidades especiais e somos diferentes em nossas características + somos normais, amamos, choramos, podemos ter família, trabalhar, formar carreira, tudo, podemos todas as coisas sempre “respeitando nossos limites”

Faça parte da historia do blog, compartilhe, participe através de comentários ou escreva para o e-mail:

artritereumatoide.ar@gmail.com


Facebook Twitter LinkedIn Blogger Facebook Page YouTube

Contact me: Skype priscilanursing MSN priscilanursing@hotmail.com

Artrite Reumatoide Artrite em Atividade !!

Follow teststamp on Twitter

Twitter

Latest tweet: @lucianaholtz corrigindo, faço minhas suas palavras.. rs

Get this email app!

Faça parte da Comunidade Meu Reumatoguia http://www.meureumatoguia.com.br

http://www.reumatoguia.com.br


PROCURAR

Receba atualizações por e-mail, cadastre-se

quinta-feira, 4 de março de 2010

I Evento Apoio as Doenças Raras ..28/02/2010

     Segundo a médica geneticista Ana Maria Martins, "A maioria das doenças raras são pouco conhecidas e muitas vezes o paciente demora a ter o seu diagnóstico, o que prejudica o tratamento".O que nós pacientes portadores de doenças auto-imunes já estamos carecas de saber e de viver, quantos de nós levamos anos e anos para ter um diagnóstico certo e seguro. 
"A certeza do diagnóstico traz tranquilidade a conduta"  
    Hoje vivo esta realidade, aguardando o tão sonhado diagnóstico.

         O evento de apoio as doenças raras contou com apoio de aproximadamente 60 entidades de apoio (grupos) foi promovida por entidades de pacientes, pela Industria Farmacêutica, Governo, sociedade civil. Organizada no Brasil pela Fundação Grupo de Enlace, Investigacion y Soporte de Enfermedades Raras de Latino America (Geiser.
         Aconteceu no Parque da Juventude  no dia 28/02/2010, ao lado da estação do metro carandiru,  toda a estrutura era semelhante a da Ação Reumato, stands de inúmeros grupos de apoio, compostos por pessoas simpáticas e sorridentes, que esbajavam sorriso e isso trazia um ambiente acolhedor a cada stand que se passava, infelizmente a chuva da nossa terra da garoa, veio pra dificultar o evento + mesmo assim foi bom.
        Como sempre, levei meu filho Tiago, que logo amarrou o burro dele porque estava chovendo o que fez com que eu ficasse pouco tempo no evento. 
          Mas tive tempo de rever a galera da GRUPASP e da Superando o Lupus companheiros fieis da Ação Reumato.
         Por se tratar de um evento que falava sobre "doenças raras" estavam presentes uma imensidão de cadeirantes o que assustou meu filho, que questionou "como pode mãe tanta gente especial". Pode parecer um local pesado para uma criança sadia como meu filho, mas acredito ser de suma importância orientarmos nossos filhos quanto a cidadania, o direito da igualdade, a acessibilidade e diminuir o preconceito. Achei muito gratificante ver Tiago conversando com outras crianças cadeirantes sem preconceito e tratando de igual para igual. Sei que ele sempre que ele ver algum PNE vai olhar com igualdade, e isso é um aprendizado que ele levara por toda vida além de se tornar um adulto consciente. Porque um simples olhar pode dizer muita coisa para nós que vivemos uma situação diferenciada das pessoas sem necessidades especiais.

         A Organização Mundial de Saúde reconhece + de 7 mil doenças raras (vejas uma lista neste link http://pt.wikipedia.org/wiki/Lista_de_doen%C3%A7as_raras).
  • 80% das doenças raras tem origem genética;
  • 75% das doenças raras atingem crianças;
  • 50% das doenças raras são diagnosticas tardiamente; 

          Este foi o primeiro de muitos eventos que vão acontecer, assim começou  ação reumato e daremos nosso apoio, divulgação e estaremos lá no stand prontos a ajudar. Confesso que até mesmo eu fui surpreendida, porque muitas dessas doenças nem tinha conhecimento que existia e agora tenho interesse e já estou estudando sobre elas. Afinal conhecimento é algo que nada nem ninguém poderá tirar de nós.

Já estou com saudade da galera da Grupasp e da Superando o Lupus.. Maio nos espera .. 


bjos..