Artrite Reumatóide: Vagas Médico Reumatologista

Aqui tem um pouco da minha Vida com AR e muito de mim.

Minha foto

Sou mãe, mulher, amiga...uma pessoa humanizada e determinada a lutar incansavelmente pela igualdade de direitos. Apaixonada pela vida, determinada a ser feliz incondicionalmente!

Blogueira e Mobilizadora Social em Pro da Pessoa com Doença Reumática no Brasil.

Autora do Blog 
www.artritereumatoide.blog.br

Idealizadora do Grupo de Ajuda Mútua "EncontrAR"

Se vc vem do Blog e tem AR ou algum tipo de Doença Reumática faça parte do nosso Grupo no Facebook EncontrAR 
http://www.facebook.com/groups/encontrar/

Colunista  no Portal Reumatoguia 
www.reumatoguia.com.br

Colunista no Portal Artrite Reumatoide 

www.artritereumatoide.com.br

"Existe vida após a AR", tudo que fazíamos antes da AR, podemos fazer agora, só que de uma forma diferente. Enquanto houver alegria em meu coração, força e vontade de viver, a Dor da AR não me levará a tristeza. Acredite, Dor Compartilhada é Dor Diminuída, compartilhe a sua dor e saiba o quanto nos faz bem falar com gente como a gente. Aqui tem um pouco da minha história e muito de mim, deixe um pouco de você através dos comentários.(todos os comentários são respondidos)

A doença chega a nossas vidas derrepente e nos apresenta limitações e dificuldades até então desconhecidas. Passamos a viver uma vida de por quês?. Ansiedades, medos, inseguranças passam a fazer parte de nossos dias. Porém a vida não termina aqui, começa uma nova vida, onde temos que rever nossos conceitos, procurando adaptar toda uma vida, costumes, rotinas diárias e enfrentamos uma sociedade que preconceituosa, ainda rotula as doenças reumáticas como “doença de velho”, o que não é verdade. As doenças reumáticas estão presentes em todas as faixas etárias e por acreditar que Dor Compartilhada é Dor Diminuída, eu criei este blog em agosto/2007.

A missão deste blog é compartilhar experiências, divulgar informações e lutar pela melhoria da “qualidade de vida do doente reumático no Brasil”.

Unidos na missão de dizer ao mundo que somos artríticos sim + que estamos vivos, temos sonhos e acreditamos que um dia a tão sonhada “estabilização da doença” irá chegar e se prepare “mundo” somos pessoas com doenças reumáticas, com necessidades especiais e somos diferentes em nossas características + somos normais, amamos, choramos, podemos ter família, trabalhar, formar carreira, tudo, podemos todas as coisas sempre “respeitando nossos limites”

Faça parte da historia do blog, compartilhe, participe através de comentários ou escreva para o e-mail:

artritereumatoide.ar@gmail.com


Facebook Twitter LinkedIn Blogger Facebook Page YouTube

Contact me: Skype priscilanursing MSN priscilanursing@hotmail.com

Artrite Reumatoide Artrite em Atividade !!

Follow teststamp on Twitter

Twitter

Latest tweet: @lucianaholtz corrigindo, faço minhas suas palavras.. rs

Get this email app!

Faça parte da Comunidade Meu Reumatoguia http://www.meureumatoguia.com.br

http://www.reumatoguia.com.br


PROCURAR

Receba atualizações por e-mail, cadastre-se

domingo, 31 de julho de 2011

Vagas Médico Reumatologista


            O grande segredo do sucesso no tratamento das doenças reumatológicas é o “Diagnóstico Precoce”, se descobrimos cedo, tratamos cedo e o óbvio deixaremos de ter seqüelas e degenerações precoces.
Matias (GRUPAL)- ANA (GRUPAR-RP) - Pri
            Mas esquecemos de lembrar o quanto é difícil conseguir uma vaga em um ambulatório público com o médico reumatologista, isso a nível Brasil. Através do e-mail do blog, recebo inúmeros relatos e desabafos de pessoas que estão com todos os sintomas de algum tipo de reumatismo e aguardam a meses  ou até mesmo anos, uma chamada para passar no reumatologista.
            Aqui em São Paulo, vivemos um problema, as chamadas “Alta por Complexidade”, que é quando os “Grandes Hospitais”, chamados serviços terciários de saúde, dão alta ao paciente, não porque a pessoa esta curada da doença reumática, mas por considerar que a doença não apresenta complexidade que lhe dê o direito de continuar acompanhando neste ambulatório. A pessoa recebe a alta e leva consigo, um encaminhamento ao reumatologista do Posto de Saúde, chegando no Posto de Saúde, o médico do postinho algumas vezes, diz assim “sua doença é  muito complexa, não posso te atender aqui, volta para o hospital de origem”, e assim começa a peregrinação por uma vaga com o médico reumatologista, temos seguidores do blog que está desde 2002 nesta luta.
            Fazendo uma pesquisa descobri que, existem ambulatórios de reumatologia que esta com as portas fechadas, não entra novos pacientes porque, as doenças reumáticas são crônicas, e o paciente não tem condições de receber alta, então, não surge novas vagas. Isso é uma dura realidade.
            Formamos um grupo de trabalho com a Defensoria Pública de São Paulo, onde vamos discutir o acesso as vagas com médicos especialista em São Paulo. 
           Gostaríamos de saber de vocês, como está o seu acesso ao médico especialista?
            Você esta na busca por uma vaga com o médico reumatologista? lembre-se se você falar a sua necessidade, quem sabe, podemos te ajudar. 
Obs: Citei São Paulo, pois é a minha cidade de referência e residência, porém, esse é um problema de todo o Brasil, portanto, se você não for de São Paulo, pode compartilhar a sua dificuldade aqui neste post, através de comentários, lembre-se sempre, juntos seremos sempre mais fortes
            A Defensoria Pública só pode atuar com a nossa ajuda.
            Vamos descobrir, onde está o nosso médico.

Uma notinha sobre mim
            Continuo com a chata febre de todo dia, essa semana, como foi semana que tomei o Biológico, as minhas dores estavam um pouquinho menor + meu quadril, está doendo até a alma. Essa semana devo conseguir falar com a minha médica, sinto que falta algo. 

Aguardem, em breve nova data do EncontrAR.
Beijinhos...